...

Porque palavras não se falam... se Vomitam

quinta-feira, 5 de abril de 2012

Ultimo Beijo


Onde, onde meu amor pode estar? O Senhor a levou pra longe de mim.
Ela se foi para o paraíso então eu tenho que ser bom, assim poderei ver meu amor quando eu deixar este mundo.
Nós saímos para um encontro no carro do meu pai, nós não tínhamos ido muito longe.
Na estrada logo em frente um carro estava parado, o motor estava estragado... Eu não conseguiria parar, então eu desviei para a direita. Eu nunca esquecerei o barulho daquela noite. Os pneus "cantando", o vidro estourando, o grito doloroso que eu ouvi por último.
Quando eu acordei, a chuva estava caindo, havia pessoas paradas por todo lado.
Alguma coisa quente escorreu pelos meus olhos, mas de algum modo eu encontrei meu amor aquela noite...
Eu ergui sua cabeça, ela olhou para mim e disse: "Abrace-me querido, só um pouquinho". Eu a abracei e a beijei, nosso último beijo, eu encontrei o amor que sabia que tinha perdido.
Bem, agora ela se foi, mesmo eu tendo a abraçado forte, eu perdi meu amor, minha vida, naquela noite...

Um comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...