...

Porque palavras não se falam... se Vomitam

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Sabe o Problema das Palavras?


É que nunca damos a devida atenção a elas.

É porque precisamos sentir as coisas, precisamos nos deparar com fatos, com machucados, com dores, e essa mania de falar e falar não passa de uma tentativa tímida, quando percebemos o quanto os baques são fortes, e o quanto eles mechem com as nossas vidas.

E é quando sentimos um baque desses, que ficamos com todo esse sentimento, que muitas vezes as palavras tentaram explicar, nas nossas peles, e vemos o quanto eles tinham razão, o quanto eu tinha razão, o quanto todos tem razão quando falam. Mas um tempo depois passa, e você volta a não ouvir essas palavras.

E exatamente, no momento em que isso chega as nossas peles, nos vemos sem alternativas, afogados neles, sem saber como colocar isso na cabeça das pessoas, e a nossa ultima alternativa são as palavras, as mesmas que sabemos que não vão ouvir, ou vão minimamente ouvir, pois só sabemos e nos damos conta das coisas quando elas acontecem, mas vamos lá, é o que me resta.

E hoje, venho reforçar umas delas, uma das coisas que é mais falada, escrita, gritada por aí, todos leem e sabem, mas ninguém realmente se dá conta da importância, e provavelmente nem vai dar lendo isso... mas ao menos me ouçam

...Viva cada minuto, abrace as pessoas que ama, veja o pôr-do-sol, as estrelas a noite, ouça o som da água e dos pássaros, o cheio da chuva sobre as flores, aprecie a voz de quem você ama, mostre as pessoas o quanto elas valem pra você, trate bem quem você não conhece, sente na terra, brinque com as pedras soltas da calçada, tome banho nas tempestades, esqueça as mágoas, esqueça seu ego, se torne mais humano, ouça as magoas de quem não te interessa, ajude um desconhecido que esqueceu a chave na porta do carro, cante sozinho na rua, e sorria se alguém olhar espantado, beije, brinque com as crianças, não prenda os pássaros em gaiolas, ria de piadas sem graça, ria de tragédias, ria de você mesmo, distribua carinho, não o guarde pra você, leia tudo isso com humildade, Aproveite cada minuto do teu tempo, nós todos vamos morrer, enfim, Viva! Porque esse é o tipo de coisa que você só percebe quando se depara com a morte... Detalhes pessoais prefiro guardar pra mim...

Espero que isso faça algum bem pra alguém, pois fez bem pra mim por ter escrito... Obrigado

2 comentários:

  1. "As palavras formam os fios com os quais tecemos nossas experiências, e nossa vida."
    Viver a vida incansavelmente, porque sempre podemos sorrir mais...

    ResponderExcluir
  2. Então talvez o problema não esteja exatamente nas palavras, mas sim em nós mesmos que apenas temporariamente conseguimos ignorá-las já que, quando ganhamos a noção de outros pontos de vista e sentimos as consequências dos atos entrando em cena, nos lembramos de cada letra e vírgula de cada frase que nos fora dita, dissemos ou tentamos dizer.
    Um beijo (:

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...